Entenda de uma vez o que é e como funciona a taxa SELIC

O que é a taxa Selic? Descubra absolutamente tudo, inclusive como ganhar dinheiro com a Selic.

Sistema Especial de Liquidação de Custódia.

Entenda de uma vez o que é e como funciona a taxa SELIC
Entenda de uma vez o que é e como funciona a taxa SELIC

É isso que quer dizer SELIC.

A SELIC é uma taxa básica de juros, e são esses juros que podem fazer (ou não) seu dinheiro valer mais!

Taxa SELIC, o que é:

Como te contei ali em cima, a SELIC nada mais significa que a taxa básica de juros.

  • É como um termômetro da economia interna.
Selic é o termometro da economia
Selic é o termometro da economia

A taxa SELIC nos diz muito sobre o mercado interno e a visão do Brasil no exterior.

É utilizada no mercado interbancário para financiamento de operações com duração diária, lastreadas em títulos públicos federais.

Ou seja, a selic é a taxa oficial utilizada pelo mercado interno para suas operações financeiras no dia a dia.

A Selic influencia todas as outras taxas de juros cobradas pelos bancos.

Toda operação financeira é influenciada pela selic: Empréstimos, rendimentos, títulos de renda fixa pós-fixados.

É uma taxa de referência que norteia todas as outras taxas de juros.

Mais do que isso, a Selic é também um instrumento de política monetária de controle a inflação.

(Lembrando, a inflação quem diz quanto o seu dinheiro hoje valerá amanhã)

Nos dizeres do Banco Central, SELIC significa:

“A taxa média ajustada dos financiamentos diários apurados no Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic) para títulos federais.”

“O” SELIC ou “A” SELIC?

O que é a taxa selic?
O que é a taxa selic?

Como dissemos na abertura, SELIC é uma sigla.

Sistema Especial de Liquidação e Custódia, você deve ter se perguntado:

“Que sistema é essa? Como assim um sistema é uma taxa?”

SELIC é o sistema que registra e monitora as operações financeiras diárias com títulos públicos.

O Selic emprestou seu nome à taxa básica de juros que é apurada… pelo Selic!

Por tanto, ambos artigos estão certos. “O” refere-se a instituição SELIC e “A” refere-se a Taxa básica de juros.

Quem determina a SELIC?

A SELIC é calculada pelo BC (Banco Central), e determinada via seu apêndice, o COPOM.

COPOM significa Conselho Monetário Nacional, e é ele quem calcula e estabelece metas para a SELIC.

De 45 em 45 dias o COPOM se reúne e traça novas metas para a taxa selic interna.

SELIC alta, SELIC baixa… qual a diferença?

SELIC alta, SELIC baixa… qual a diferença?
SELIC alta, SELIC baixa… qual a diferença?

Sabemos que a SELIC é o termômetro da economia interna, por isso, acaba sendo um espelho para o governo vigente.

Podemos encarar a taxa selic como um medidor de risco.

Quando a selic está alta, presume-se que o governo está aumentando os juros, pois há alta procura por crédito.

Como assim?

Juro é a remuneração cobrada pelo empréstimo de dinheiro.

Quanto maior a SELIC, mais altos os juros, já que a SELIC quem dita o juros.

Uma vez que a SELIC está elevada, os juros idem.

Eleva-se o juros, ou seja, o prêmio por emprestar dinheiro, quando há maior risco!

Se eu te empresto dinheiro, sabendo que você é um caloteiro, para que valha a pena minha operação, deve-se ambicionar juros altíssimos;

Ou seja, Quanto maior os juros (SELIC) maior o risco.

Se você é um ótimo pagador, sempre me paga certinho, não tem porque eu negar aquele empréstimo camarada.

Dito isso, leve para o resto do texto (e da sua vida): Quanto maior os juros, maior o risco!

Se a taxa SELIC está alta, conclui-se que a economia de um modo geral, apresenta altos riscos, e vice-versa

Como é calculada a SELIC?

Como é calculada a SELIC?
Como é calculada a SELIC?

O cálculo da SELIC é um pouco complexo. Vamos facilitar e abreviar:

É feito uma média ponderada dos juros praticados por instituições financeiras.

A taxa em si, nasceu no intuito de ponderar operações de curtíssimo prazo, entre bancos, quando estes precisamos tomar recursos emprestados de outro banco.

Daí a SELIC é tomada a de garantia, do banco que empresta para o banco que pega emprestado.

Pense, quando quando você financia um carro:

Você financia um carro, um banco quita com a concessionária o valor do seu carro a vista.

A partir de agora, você deve ao banco, e não mais a concessionária.

A garantia por este empréstimo, ou seja, a garantia que você irá pagar ao banco é seu próprio carro!

Se você atrasar as parcelas, o banco vem e toma seu bem (que na verdade é dele, até a quitação.)

Foi dessa forma que a SELIC proliferou, e hoje, é o principal balizador, a principal taxa utilizada como base no país.

A SELIC é uma taxa fixa?

A SELIC é uma taxa fixa?
A SELIC é uma taxa fixa?

Não.

A SELIC varia todos os dias, de acordo com a saúde da economia.

Apesar de variar diariamente, o COPOM, como dissemos, traça metas para a selic que o governo tenta a todo custo alcançar no prazo delimitado.

por isso, a SELIC é uma taxa bem previsível e modelável.

Analistas têm alta assertividade em sua previsão.

Qual a taxa SELIC hoje?

Hoje, a taxa selic é de 6,5% ao ano.

Uma taxa razoável e bem tolerável ao momento atual.

Você pode acompanhar a evolução da SELIC pelo site do Banco Central.

Há alguns anos atrás, no governo de Dilma Rousseff, mais precisamente em 2016 atingimos topos históricos na SELIC anual, 14,25% ao ano.

Mais que o dobro de hoje, dois anos depois.

Acompanhar a evolução da selic faz toda a diferença na sua vida e nos seus investimentos.

É fundamental que você saiba na ponta da língua o valor da SELIC.

Segue um quadro para acompanhamento mensal dos valores históricos da Taxa Selic.

Tabela taxa selic
Tabela taxa selic

A SELIC alta é ruim?

SIM, e NÃO.

Uma taxa selic elevada não significa sempre, economia em pânico.

Pelo contrário…

Analisar a saúde econômica só pela taxa selic é um método raso.

Se o governo pretende movimentar a economia incentivando o consumo, reduz o valor da taxa Selic.

Porque?

Te conto no próximo item do texto:

Evolução da taxa selic
Evolução da taxa selic

Como a SELIC impacta a minha vida?

Como a SELIC impacta a minha vida?
Como a SELIC impacta a minha vida?

Você lembra da nossa relação SELIC x JUROS X RISCOS?

Se a economia enfrenta um período ruim, de riscos, a selic é alta, pois há grandes riscos no empréstimo.

Se os preços pagos para se pegar dinheiro emprestados são altos, o consumidor deixa de pegar esse dinheiro.

Dessa maneira, a engrenagem da economia trava.

O banco deixa de emprestar para o consumidor, que por sua vez deixa de comprar do fornecedor, que por sua vez, deixa de pegar mais crédito noutro banco para pagar a matéria prima.

Dado o cenário, qual a saída do governo?

Reduzir a taxa selic, ou seja, reduzir novamente o prêmio pago pelo dinheiro emprestado.

Dizemos que o preço pelo dinheiro está atrativo.

O consumidor é atraído pelas taxas favoráveis para crédito e a engrenagem volta a girar!

Por outro lado, se a segurança é alta, e a oferta por crédito acompanha essa segurança, todos começam a pegar dinheiro emprestado na praça.

O poder coletivo de compra aumenta bastante!

E aí, o inverso acontece, e é assim que começa a inflação!

A oferta de crédito na praça está alta, para manter a competitividade, os credores precisam topar emprestar para consumidores de maior risco.

S a quantidade de dinheiro na rua aumenta, o poder de compra desse dinheiro, consequentemente diminui, e isto é inflação na prática.

Daí o governo é forçado a aumentar a SELIC, impondo limites novamente aos credores e diminuindo a oferta nas ruas.

Por isso, a taxa selic é crucial para o país.

Ela é o principal instrumento de controle estatal para aquecer ou esfriar a economia nas horas certas.

O problema é que o governo nem sempre acerta esse timing, mas isso é papo para outro texto…

A SELIC afeta a taxa de desemprego?

A taxa de desemprego do país também é impactada pela Selic!

Na realidade, tudo é. Direta ou indiretamente!

Quando a taxa Selic aumenta para esfriar o consumo, é óbvio que as empresas vendem menos.

Vendendo menos, há menor lucro.

Logo, diminui também a necessidade por mão de obra, ou seja, uma loja que vende 2 mil reais por dia com 10 funcionários, agora vende 1 mil reais e necessita de 5 funcionários!

A recíproca é verdadeira!

Com a Selic baixa e alto consumo, empresas acabam contratando mais devido a maior demanda.

SELIC Meta e SELIC Over.

Já ouviu falar desses dois complementos?

SELIC meta e SELIC Over.

São as duas variações da taxa selic.

Para entender o fundamento da taxa, você precisa saber esta diferença.

SELIC OVER

A taxa SELIC Over é a aplicação prática da selic.

É a taxa de juros praticada para a operação financeira de empréstimo de recursos interbancários.

Ou seja, é a taxa cobrada quando um banco empresta dinheiro a outro banco.

O Banco Central obriga todo banco a depositar uma % de seu caixa numa conta do BC.
Esta medida controla o excesso de dinheiro em circulação na economia e evita aumento da inflação.

Daí, o banco devedor, que tomou o empréstimo, é obrigado a alocar em garantia os títulos públicos comprados no banco central.

SELIC Meta:

O que é a taxa selic?
O que é a taxa selic?

A SELIC meta é mais comumente utilizada.

É aquela que você escuta no jornal nacional, na voz marcante de William Bonner.

A SELIC meta é taxa básica da economia, é o balizador que parametriza todas as outras práticas do mercado financeiro.

A taxa SELIC meta é perseguida arduamente, todos os dias, pelo governo federal.

Sempre que tratar a SELIC como taxa, como balizador, entenda-se que nos dirigimos a selic meta.

Como ganhar dinheiro com a SELIC:

Como ganhar dinheiro com a SELIC:
Como ganhar dinheiro com a SELIC:

Sim, você pode ganhar dinheiro com a taxa selic.

Na verdade, todo investimento influencia-se direta ou indiretamente da taxa selic:

A) Caderneta de poupança

Apesar de não se tratar de um investimento,s precisamos abordar a poupança.

A poupança é o “investimento” de maior aporte do brasileiro.

E a rentabilidade da poupança depende diretamente da selic:

• Se a taxa SELIC é maior que 8,5% ao ano, a poupança rende 0,5% ao mês + a TR (Taxa Referencial assunto para outro post)

• Se a SELIC é menor ou igual a 8,5%, a poupança rende a 70% da taxa SELIC .

O fato é: A poupança quase nunca rende acima da inflação, e por isso não é considerada um investimento.

Nem ao menos a manutenção do seu poder de compra é preservado pela poupança.

B) Renda Fixa e o famoso Tesouro Direto

Muita gente generaliza Renda Fixa.

Apesar desse erro, existem alguns tipos de renda fixa que são indexadas a títulos públicos.

Nos títulos públicos o aumento da selic aumentar também a rentabilidade.

Quanto maior a SELIC, mais o seu título público te rende.

O mesmo acontece no caso da sua redução, que implicará em menor rentabilidade.

Isso ocorre por um simples fator:

Dado que o momento econômico atual é de estabilidade e há segurança e confiança na economia interna, o juros cobrados para emprestar dinheiro são baixos e a selic também está baixa.

Se o momento é de risco, e não há segurança, os juros e a selic também são altos.

Essa relação é replicada para o Governo Federal.

Como ele (governo) é o responsável direto pela saúde da economia interna, havendo segurança econômica, conclui-se que o governo é estável.

Títulos públicos nada são que empréstimo de dinheiro ao governo federal lastreado por promessa de pagamento futuro contabilizado.

Por tanto, se o momento econômico é estável, o governo tem tudo sobre controle e precisa menos de empréstimo, por isso, conclui-se que o risco de calote do governo federal é baixo.

No cenário inverso, SELIC altíssima, governo instável, risco de se emprestar dinheiro ao governo é alto, por isso, o prêmio cobrado pelo empréstimo também é alto.

É a relação Risco x Retorno aplicada na prática

Nos investimentos, a regra nº 1 é: O Retorno de um investimento sempre é proporcional ao risco.

Por isso, em momentos de elevada taxa selic, títulos da dívida pública pagam ótimos retornos.

O que é tesouro direto?
O que é tesouro direto?

C) CDI

Os Certificados de Depósitos Interbancários são títulos emitidos pelos bancos como forma de captação de recursos.

Da mesma forma que títulos públicos são empréstimos ao governo federal, o CDI é uma forma de empréstimo a bancos.

O CDI e SELIC são muito próximos.

O que é CDI?
O que é CDI?

Acontece que, lá naquela situação que explicamos lá trás, onde um banco empresta dinheiro para outro banco, ao invés de usar títulos públicos como garantia, os bancos podem também utilizar seus próprios títulos privados, o famoso DCI.

Se esses títulos forem utilizados como garantia entre empréstimos de um banco e outro, a taxa de juros usada será o CDI.

E é por isso que o CDI é atrelado à SELIC.

Eles praticamente andam de mãos dadas.

Quando você investe no CDI está indiretamente investindo na SELIC.

Por isso, quanto maior a taxa selic, mais rende seu título CDI.

Dito isso, todo investimento de renda fixa baseado em CDI rende conforme a taxa SELIC.

São exemplos:

• Letras de câmbio (LC)

• Certificado de depósito bancário (CDB)

• Letras de crédito do agronegócio (LCA)

• Letras de crédito imobiliário (LCI)

Investir na SELIC ou na Bolsa de Valores?

Investir na SELIC ou na Bolsa de Valores?
Investir na SELIC ou na Bolsa de Valores?

Essa é uma decisão muito pessoal, então, vou ter que ficar em cima do muro.

É impossível afirmar categoricamente.

Tudo depende do seu perfil e disponibilidade.

A bolsa de valores é para quem tem estômago.

A SELIC é para quem procura estabilidade e baixo risco.

Como disse antes: Risco é sempre proporcional ao retorno nos investimentos.

Por isso, o investimento em Bolsa de valores pode ser bem mais rentável que a selic… e claro, mais arriscado.

Neste capítulo só o que posso afirmar com certeza:

A bolsa de valores não é para iniciantes.

Se você está iniciando no mundo dos investimentos, comece investindo sabe onde:

Nem na Bolsa e nem na selic… Na sua educação.

Você precisa antes de tudo aprender.

Bons cursos estão disponíveis a preços acessíveis.

Rentabilidade Bolsa de valores CDI
Rentabilidade Bolsa de valores CDI

Uma das maiores taxas de juros do mundo: This is Brazil.

Apesar de 2018 ter se mostrado um ótimo ano, com o Brasil alcançando sua melhor posição histórica no ranking de juros reais, ou seja, juros descontados da inflação:

  • 2,89% ao ano.
Taxa de juros no Brasil
Taxa de juros no Brasil

Apenas quatro países ganham do nosso Brasil quando o assunto é juro alto: Argentina, Turquia, Rússia e México.

Lembramos que a Argentina passa por um dos períodos mais difíceis da sua história, onde a moeda interna, o peso argentino sofre desvalorização escabrosas ante ao dólar.

A Turquia, idem… A Lira Turca sofreu em 2018, e pareada ao dólar sofreu grandes baixas.

Menção honrosa neste ranking: Venezuela.

A ditadura de Maduro sequer pôde entrar neste ranking, uma vez que os níveis alarmantes de inflação são imensuráveis.

De um dia para o outro, a variação da inflação chega a 50%.

O consenso extra-oficial é que no ano, a inflação venezuelana foi de 21,78% ao ano.